domingo, 24 de junho de 2007

PATANISCAS/ ARROZ CAMPESTRE/ARROZ DOCE




Esta é uma refeição que os meus filhos adoram. E embora raramente se façam fritos cá em casa, a verdade é que, a estas pataniscas de bacalhau, nunca dizem que não.

Para acompanhar é costume fazer arroz de feijão.

Desta vez , e porque tinha muito feijão verde, resolvi fazer um arroz de legumes.

E, porque era fim de semana, houve direito a sobremesa.

A verdade é que o arroz doce não é uma sobremesa que me saia sempre bem e como eu gosto. (Cremoso mas sem ficar excessivamente líquido).

PATANISCAS DE BACALHAU

Ingredientes:

Bacalhau

1 cebola partida fininha

1 dente de alho

1pitada de pimenta branca moída

1 raminho de coentros picados fininhos

Farinha (q.b.)

Água (q.b.)

Ovos

Como fazer:

Cozer o bacalhau.Tirar as peles e espinhas e desfiar.

Juntar a cebola e o alho picados, a pimenta e os coentros picados.

Junta os ovos batidos. Mexe bem.

Junta então uma pouca de água e de seguida a farinha. Junta tudo bem e por fim mais um pouco de água. Temperar com sal a gosto.

(Deverá ficar uma massa consistente mas não demasiado dura).

As quantidades dependem do número de pessoas mas:

(Cada posta de bacalhau dá para 2 pessoas- com 2 ovos- cerca de 1 dl água e umas 3 a 4 colheres sopa de farinha).

Fritar em óleo bem quente .

Escorrer sobre uma rede.

ARROZ CAMPESTRE

Ingredientes:

Arroz

Azeite

2 dentes alho

1 cebola média

1 tomate( bem maduro e sem pele)

1 tira de pimento vermelho

1 cenoura aos quadradinhos

6 a 8 feijões verdes às lasquinhas.

Sal

Como fazer:

Pôr água a ferver e guardar.

Colocar o azeite no tacho e sobre ele, o tomate ás rodelas muito fininhas , a cebola e os alhos partidos o mais finamente possível, a cenoura aos quadradinhos pequeninos e os feijões verdes partidos finos. Deitar então a quantidade de arroz necessária. (Ter em atenção que, por ter os vegetais, leva menos arroz).Temperar com sal a gosto.

Ligar então o lume. Deixar cerca de 1 minuto e depois vai mexendo bem com uma colher, até o arroz começar a prender ao fundo do tacho.

Juntar um pouco de água a ferver e mexer várias vezes, para não pegar e o ar

roz fritar.

Juntar então a água que achar necessária, conforme o quiser mais seco ou com

bastante molho.

Deixar ferver tapado. Ao fim de 7 minutos apaga o lume.

(Se gostar do arroz bem seco)- :Retira-o do lume, tira-lhe o testo e tapa-o com um pano para o molho evaporar).


ARROZ DOCE:

O grande problema é que o faço sempre a olhómetro, pelo que não sei dar medidas.

Mas, para 4 taças : Num tacho deitei a água com sal, até ferver. Juntei uma chávena pequena de arroz. Ao levantar fervura baixo o lume e deixo ficar até o arroz ficar muito bem cozido(se precisar de juntar mais água para cozer bem, junte água já a ferver).

Em estando cozido junto um pau de canela e uma casca de limão, (bem fina, de modo a não levar a parte branca).

Deixo ferver um pouco mais e junto o leite quente.(Eu fiz com 1 pacote individual de leite magro). Deixo ficar mais uns 5 minutos a ferver em lume brando.

Vou tirando as peles que o leite vai deixando.

Tiro o pau de canela e a casca do limão e junto o açúcar ( a gosto).

Deixar ferver mais um bocadinho até o açúcar derreter por completo.

Separar então as gemas das claras.

Bater( com um garfo) as gemas e juntar-lhe um pouco de leite quente e mexer bem.

Só então junta as gemas ao preparado do leite com o arroz.

Mexe tudo para ligar bem e deixa ao lume cerca de meio minuto.

Depois de colocado nas taças e já estar frio, enfeita com canela.


Nota: o arroz tem de ficar muito bem cozido antes de levar o leite, senão já nunca coze.


11 comentários:

irneh disse...

Posso ir ver se sobrou alguma coisa? Tenho de deixar de vir aqui...fico sempre com uma fome...

Beijinhos...

Joaninha disse...

Turbolenta, aqui em casa também é assim, raramente se fazem fritos mas quando o assunto é pataniscas de bacalhau ou pastelões de sardinhas o caso muda de figura :-). A única diferença é que não faço com coentros pois infelizmente não gosto muito e uso a tradicional salsa. Adorei o arroz que acho excelente, mas arroz doce já não é comigo :-)! Bjs

Elvira disse...

Que cardápio delicioso! :-)

Miss Slim disse...

Adoro Pataniscas, ehhhh

Obg pelo email

Bjo e Boa Semana para ti

Edson Marques disse...

Receitas tentadoras!

Mas a expressão "arroz de feijão" me é desconhecida. No Brasil, fazemos o arroz sempre separadamente do feijão, exceto o "baião de dois", um prato nordestino, em que amobs vêm misturados, e com carne seca desfiada.


Abraços, flores, estrelas..




.

minds disse...

A minha maezinha tb faz pataniscas be bacalhau e nunca sobra nada!!!! lol

kuanto ao arroz doce, acabei de komer um... tb feito pela mãmã...

bjinhos

Cláudia A. disse...

Fiquei com pena de não ter ido almoçar em sua casa. A refição estava maravilhosa.

viviana disse...

hummmmmm jokas fofas

peace_love disse...

Ena, só coisas boas! :)

JRL disse...

Olá...
Descobrir o seu blogue e à hora do almoço... é demasiado cruel. :))
E tudo tem um aspecto... delicioso.
Continue!

o alquimista disse...

Uma cabeça tão cheia de nadas, corpo em ritmo constante, uma réstia de lúcida vontade, guia o insólito caminhante. Este verde tudo cobre, esta mágoa feita de nevoeiro, triste fado, assombração, tens o vazio por companheiro.


Boa semana


Doce beijo