terça-feira, 6 de março de 2012

CHEESECAKE COM MORANGOS

CHEESECAKE COM MORANGOS

Posso dizer que o resultado final do cheesecake com morangos que mostrei ainda na forma no dia 14 não foi aquele que esperava.


Podem aplicar-se aqui 2 velhos ditados” a pressa é inimiga da perfeição” e “vale mais fazer mal que não fazer nada”.

Resolvi pela manhã fazer esta sobremesa para o jantar. Tinha as natas e tive de comprar o queijo mascarpone.

Só que, atendendo ao tamanho da forma (26 cm), depois de ter batido o queijo tive de ir ao supermercado comprar outra embalagem, senão ficava uma camada muito fina.

Mas no final acabou por sair uma enorme camada e não ficou muito bem. Aliado ao facto de acabar de ser feito por volta da hora do almoço não ficou com a consistência desejada na hora de comer.

Como não tinha compota de morango mas tinha uma embalagem optei por os triturar e juntar folhas de gelatina.

Não gostei desta cobertura pois ficou insípida. Com doce ou uma camada fina de gelatina normal e depois enfeitada com morangos seria muito melhor.

Mas como foi o primeiro que fiz. E “à primeira cai qualquer e à 2ª cai quem quer” , espero que , no futuro saia bem melhor (se houver uma 2ª vez, claro está)

Saiu comestível mas poderia ter saído bem melhor


Base:

2 pacotes bolacha Maria torrada

125 manteiga à temperatura ambiente

2 colheres sopa de chocolate em pó Pantagruel.


Piquei as bolachas na 1.2.3 .

Juntei a manteiga amolecida.

Acrescentei o chocolate em pó.

Amassei tudo muito bem e forrei a tarteira amovível.

Levei ao frigorífico


Recheio:

2 embalagens queijo mascarpone

2 pacotes natas frescas Longa Vida

5 colheres sopa de açúcar em pó

1 colher chá de sumo limão


Bati o queijo mascarpone com o açúcar e o sumo do limão.

Noutra taça bati as natas e quando estavam bem espessas juntei ao batido do queijo.

Deitar esta mistura sobre a base e levar ao frigorífico até endurecer bem


Cobertura:

1 embalagem de morangos

açúcar a gosto

4 folhas gelatina incolor

amoras , hortelã e alguns morangos para enfeitar


Pôr as gelatinas a demolhar em água fria.

Triturar os morangos. Acrescentar o açúcar e levar ao lume até desfazer, mexendo bem.

Enquanto quente, juntar as folhas da gelatina bem escorridas e mexer bem .

Arrefecer, mexendo sempre e colocar sobre a mistura do queijo que já deve ter algumas horas de frio.

Enfeitar logo com os morangos ,amoras e hortelã .

Vai ao frigorífico até servir.

Só então se tira o aro à forma.


4 comentários:

Ginja disse...

Visto daqui parece uma maravilha, bem boa essa camada branca grande! Eu comia já uma fatia sem me queixar :)
Não desanimes, agora já tens mais ideias e o próximo sairá perfeito!
Um abraço.

Alcina disse...

Essada pressa é inimiga da perfeição assino em baixo, é uma verdade que se verifica quase sempre, pois quanto ao tamanho da camada também já me aconteceu ficar desgostosa, por ficar pequena, dobrar parece também não ser a solução :-)
Mas mesmo assim ficou bonito e dúvido que tenha sobrado :-)

turbolenta disse...

Pois...
Como era muito para o jantar, o resto não passou da refeição seguinte.
Para a próxima fica melhor!

Smas disse...

Pois, sobremesas à pressa nunca resultam muito bem...
E o que eu mais gostei foi de usar mascarpone e não queijo creme pois normalmente não gosto de cheesecake pois sabe muito a queijo :P
Mas adoro mascarpone a acho que vou experimentar!