sábado, 19 de maio de 2012



 Ao fim de semana é dia de “desgraça”.
É dia de sobremesa!
Isto não quer dizer que não possa haver qualquer “miminho” durante a semana.
O pior é qundo me faço esquecida e alguém não se esquece...
E desta vez “a conversa” começou por andar à roda de umas forminhas de tartelete que tenho para ali sem lhe dar grande utilização.
E porque a manhã estava tão desagradável e tão fresca, não seria a altura ideal para qualquer actividade física.
Então... entre fazer piscina, andar de bicicleta ou jogging... a minha filha decidiu-se por uma manhã mais quentinha, entre tachos e panelas e com o quentinho do forno (que até confessou ter dado algum jeito).
E enquanto eu e o meu marido fomos ao hipermercado, ela decidiu-se pela cozinha.
E porque havia uma embalagem de massa , decidiu-se por umas tarleletes de maçã.

E não só... pois apenas fez 5 e com a restante massa forrou formas de pudim, que levou ao forno até cozerem e que, depois de arreceferem recheou com chantily bem forte e enfeitou com morangos (biológicos) aqui do nosso quintal.
Estes cestinhos foram ao frigorífico até à hora do café.
Um "acompanhamento" perfeito para o vício da cafeína!
Isto é o que se pode chamar: 2 em 1 .

ah...ah....

TARTELETES COM MAÇÃ REINETA

Ingredientes:
1 embalagem de massa quebrada de compra
Creme pasteleiro
maçãs reinetas

CREME PASTELEIRO
2 ovos
100 gr de açúcar
1 colher (sobremesa) de manteiga sem sal
2,5 dl de leite meio gordo
1 colher(sopa) de farinha maizena
½ vagem de baunilha

Como fazer:
Ferver o leite e deixar arrefecer um pouco.
Reserve
Numa taça :Juntar os ovos + açúcar + manteiga + farinha maizena.
Abrir a vagem da baunilha e raspar o seu interior.
Juntar aos restantes ingredientes.
Bater com a batedeira eléctrica para ligar bem os ingredientes.

Despejar , em fio, o leite sobre esta mistura, batendo sem parar.

Levar então esta mistura ao lume brando , para engrossar, e só até que comece a querer ferver.
Retirar do lume.
Deixar arrefecer um pouco(mexendo de vez em quando)

Barrar as forminhas das tarteletes com manteiga e polvilhar com farinha.
Cortar círculos de massa e forrar as tarteiras, apertando a massa bem nas partes laterais.

Despejar um pouco de creme pasteleiro em cada tarteira (até pouco mais que metade)
Cortar a maçã em gomos relativamente finos e pôr sobre o creme.
Pode polvilhar com um pouco de canela.

Vai a forno previamente aquecido .
O tempo depende dos fornos mas desde que a maçã esteja fina e porque as forminhas têm pouca altura. O cozimento é bastante rápido. Convém estar atento.

Deixar arrefecer um pouco e desenformar de seguida.

Nota:
Depois das tarteletes cozidas , elas foram pinceladas com um pouco de geleia que fez na altura, utilizando as cascas e as pevides das maçãs, às quais juntou um pouco de água e açúcar. Passou no final por um passador de rede antes de pincelar as maçãs com este líquido.
A do meu marido era “especial” pois levou também algumas passas de uva, tal como ele gosta.
Pessoalmente gosto do creme com baunilha, pois fica muito mais agradável, mas se não tiver (ou não quiser pois a vagem é tão cara!) também fica bem sem ele.

Quanto à decoração: as fatias da maçã devem ser colocadas ao alto e não deitadas como ela fez em algumas.


6 comentários:

Alcina disse...

Cá em casa também, ao fim de semana é a desgraça total e ainda por cima com tantas festas ultimamente... tarteletes nunca fiz, mas gostei do ar dessas :-)

Ginja disse...

Uma manhã bem boa :)
O tempo pedia mesmo algo doce e reserva em casa, no lar e na cozinha :)
Por cá também foi dia de doce e de quebrar o jejum das gulodices.
Sabe bem de vez em quando.
Lindas tartes!!!
Um beijinho.

Selene disse...

Que apetitoso amiga.
Bjs

luci disse...

Que delícia só tem comida gostosa beijos

Smas disse...

E ficaram com muito bom aspecto!!!

kikas disse...

Olá boa tarde, obrigada pelo seu comentário. Ao fim semana tb aproveito para me perder com uma boa gulodice. Adoro tarte maçã e não resisto a morangos e chantilly. Ficaram maravilhosas as suas tartes! Bjs e um excelente fim semana!